Blog da Ramyria Santiago -

Polícia prende assassino de músico que teve o corpo dilacerado a golpes de facão

Se a população coroataense se assombrou com o crime bárbaro registrado no bairro da União, quando o músico tecladista Antônio Cesário Filho foi encontrado morto próximo à sua residência, tendo o corpo mutilado a golpes de facão, a revolta tornou-se ainda maior, isso porque o assassino foi apreendido horas após o crime, mostrando mais uma vez a eficiência da Polícia de Coroatá, e trata-se de um menor de idade, de apenas 15 anos. Mais assustador foi o motivo revelado à PM, uma dívida de R$ 500,00, segundo o adolescente.

menor
A Polícia Militar revelou ainda que o indivíduo é perigoso, já tentou assassinar outra pessoa em Coroatá, efetuando disparos de arma de fogo. Infelizmente, protegido pela lei, ele é detido, mas não demora muito já está de volta às ruas.

Neste momento ele encontra-se na sede provisória da Delegacia de Polícia de Coroatá dando depoimento, acompanhado de três conselheiros tutelares para garantir sua integridade.

A vitima Antônio Cesário Farias Filho, foi encontrado na manhã de terça-feira (05), no bairro da União. As marcas da crueldade chocaram a populares. O corpo da vítima estava bastante mutilado com golpes de facão

20160405044121 (1)

João Filho era músico, tecladista de uma banda local – Forró Conquista – segundo apurou a redação do Coroatá Online.

A princípio, tudo indica que a vítima ainda tentou se defender protegendo a cabeça com o braço, mas teve o membro quase decepado, assim como o pé esquerdo.

20160405045507

vitima

fonte coroatá on line

Cenas Fortes – Menor acusado de matar homem em Codó com requinte de crueldade disse não está arrependido pelo o que fez

IMG-20160404-WA0069[1]

vitima

A guarnição do sargento Arruda onde estava o cabo Freitas os soldados Dias e Herbert, conseguiram apreende o menor de 17 anos, que matou o Francisco Marcos da Constituição  de 26 anos. O crime ocorrido na madrugada de segunda feira 4 na rua Ayrton Sena no bairro Codó Novo.

O menor foi preso hoje pela manhã quando dormia em uma casa de um parente na rua Padre Cícero no bairro Codó novo.

No momento da apresentação, o menor que preferiu ser chamado de “sola o degolador ” disse que não estava arrependido pelo o que fez.

O acusado disse que matou porque a vitima batia muito na sua tia.

Segunda o menor infrator disse que queria era esquartejar o corpo da vitima e levar a cabeça.

Promotora Linda Luz fala sobre propaganda eleitoral antecipada no rádio e na TV na cidade de Codó

IMG_20160405_085424012

promotora

O blog entrevistou a promotora de Justiça, Linda Luz Matos Carvalho. Até julho de 2016 ela responde por uma das duas promotorias eleitorais de Codó, depois passará a função à outra promotora porque seu tempo terá expirado.

O assunto da entrevista foi propaganda eleitoral antecipada no rádio e na TV, como disse já está havendo a Frente Popular, grupo de partidos liderado pelo advogado Francisco Mendes e pelo médico José Francisco.

Ela disse que, neste momento, qualquer ato que caracterize promoção pessoal em detrimento de outros pré-candidatos pode caracterizar uma conduta vedada pela legislação.

“Agora não pode nada com relação à propaganda eleitoral porque a campanha eleitoral ela só inicia a partir de 16 de agosto, então deve-se evitar todo e qualquer campanha e propaganda antecipada porque ainda não estamos no período autorizado para este tipo de atitude”, afirmou

A promotora revelou que mudando de canal flagrou, no horário do meio dia,  uma TV local com um entrevistado que se autopromovia fazendo comparações entre governos.

Diante do que viu se disse surpresa com o fato de que até agora nenhuma representação tenha chegado ao Ministério Público para barrar a conduta, escancaradamente, proibida.  Não soube dizer se alguma denúncia já foi feita diretamente à Justiça Eleitoral, o que também pode ocorrer.

Quando fomos gravar, perguntei sobre como andam as denúncias até agora. Dra Linda Luz disse que elas devem começar a aparecer com a proximidade das eleições uma vez que o calendário deste ano foi todo alterado.

“Ainda não porque como houve uma alteração no calendário eleitoral (…) agora em abril que iniciou a filiação partidária, só em julho vai haver as convenções e o registro das candidaturas que em anos anteriores era bem antes, agora só a partir do dia 15 de agosto, então como todo o processo eleitoral ele passou bem mais pra frente, então, também, as representações, as denúncias, as reclamações em relação às condutas vedadas também vão vir no período mais próximo desses período em que o calendário agora foi alterado”, disse

SUSPEITO DE TER ASSASSINADO PROFESSOR TIBÚRCIO É PRESO

A Policia Civil através da Del Regional de Caxias e Delegacia de Homicídios, efetuou na última Quinta-feira a prisão de Raphael Coutinho, 32 anos, natural de Brasília- DF, em cumprimento a mandado de prisão temporária, em face do mesmo ser suspeito do latrocínio em que foi vítima o professor Jorge Henrique Tibúrcio, ocorrido na madrugada do dia 21/03/2016.

46395_202718483197867_1745333903_n - Cópia

PROFESSOR

Tibúrcio foi encontrado morto e despido, com sinais de estrangulamento, no interior de sua casa, a qual não havia sinais de arrombamento, somente alguns pertences como aparelho celular, notebook, máquina fotográfica e mochila desaparecidos. O desenrolar das investigações apontou a pessoa de Raphael como suspeito, pois poderia estar tendo um relacionamento íntimo com a vítima, que era homossexual.

Com a prisão temporária, Raphael negou o crime, mas admitiu ter estado com a vítima naquela noite na casa. Na residência da vítima a Polícia Civil apreendeu um boné e uma camisa de Raphael, que inclusive fora filmado horas antes numa festa onde também estava a vítima.

12939127_1132637906767631_1486237278_n

SUSPEITO

Com a apreensão do celular roubado e a comprovação que o acusado havia vendido para o atual detentor, Raphael confessou ter roubado os objetos, negando ter assassinado o professor. Assim, Raphael figura como único e principal autor do latrocínio.

As investigações foram comandadas pelos Delegados Jair Paiva e César Veloso com respectivos investigadores. A prisão foi decretada pelo Dr Aderson Sobral, juiz da 2ª Vara com parecer favorável do MP através do promotor Dr. Vicente

 

PREFEITA DE SÃO JOÃO DO SÓTER É ACUSADA DE FRAUDAR LICITAÇÕES

00182Os desembargadores da 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) receberam denúncia contra a prefeita do município de São João do Sóter, Luiza Moura da Silva Rocha – acusada de cometer irregularidades licitatórias, em 2009 – e contra o então secretário municipal de Fazenda, em Clodomir Costa Rocha, e três proprietários de empreiteiras pelo mesmo crime.

A denúncia foi ajuizada pelo Ministério Público do Maranhão (MPMA), acusando a prefeita e os demais por descumprimento de ordem judicial; movimentação irregular de verba pública; fraude à licitação e descumprimento da Lei de Finanças Públicas.

De acordo com o MPMA, o município firmou convênio com o Estado do Maranhão no valor de R$ 1,5 milhão, para melhoramento de 60 quilômetros da Rodovia MA 127. Por ordem judicial, todos os convênios foram suspensos liminarmente, proibindo a movimentação dos valores, o que não foi respeitado pelos gestores de São João do Sóter, que realizaram o saque da quantia.

A licitação foi vencida pela empresa Construtora Sabiá Ltda, mas a obra foi subempreitada para a empresa F.G. Construções e Emp. Ltda, caracterizando crime contra a Lei de Licitações. Outra irregularidade teria sido o pagamento do serviço à empresa antes mesmo que esta apresentasse a proposta para concorrer à licitação, ferindo a Lei de Finanças Públicas.

Os denunciados negaram as condutas ilícitas, afirmando – entre outros argumentos – urgência na execução da obra pelo interesse e bem estar da população (não proibição de subcontratação pelo edital; ausência de má-fé e de elementos robustos e contundentes das condutas ilícitas).
O relator do processo, desembargador José Luiz Almeida, ressaltou que, no momento processual de análise do recebimento ou não da denúncia, cabe ao julgador tão somente verificar a existência dos requisitos previstos no Código de Processo Penal.

Para o magistrado, a denúncia encontra-se formalmente perfeita, contendo todas as suas circunstâncias, as qualificações e as classificações delituosas.

O desembargador verificou a existência de indícios do descumprimento da ordem judicial para devolução de valores do Convênio; da permissão de pagamento de vultosos valores à empresa Construtora Sabiá; e de fraude ao procedimento licitatório.
“Embora as defesas pretendam afastar o dolo, entendo que essa discussão extrapola os limites para o recebimento da denúncia, e somente poderá ser debatida no curso da instrução criminal”, frisou. (Processo nº 248492015)

Fonte: Neto Ferreira

 

JOVENS ACUSADOS DE TEREM EXECUTADO UM ADOLESCENTE DE 15 ANOS EM CODÓ, SÃO PRESOS.

A polícia civil de Codó divulgou na tarde desta quinta-feira uma fotografia onde aparecem dois jovens que são suspeitos de terem executado com um tiro na cabeça um adolescente de 15 anos, identificado por Jailton da Silva, na terça-feira (29) na Rua Edson Lobão, no bairro São Francisco, em Codó. Os dois jovens foram identificados pela polícia como Francisco Edson Ferreira Leal, de 18 anos,(esse que aparece na fotografia de camisa azul) e seu irmão Edivan Ferreira Leal, de 20 anos.

IMG-20160401-WA0021De acordo com o delegado Regional Zilmar Santana, os dois jovens já são acusados de terem cometido outros crimes na cidade de Codó. Ainda de acordo com o delegado, é só uma questão de tempo para que a polícia de Codó possa prendê-los.