Blog da Ramyria Santiago -

RODRIGO FIGUEIREDO PROVA QUE GOVERNO MENTIU AO AFIRMAR QUE NÃO COBRA TAXA DOS FEIRANTES DO MERCADO CENTRAL.

A Câmara Municipal de Codó realizou nesta segunda-feira (27) a sua 7º sessão ordinária do ano de 2017. Muitos assuntos importantes foram discutidos e várias indicações foram debatidas e aprovados pelos parlamentares codoenses.

O vereador Rodrigo Figueiredo voltou a falar sobre a polêmica envolvendo a cobrança de taxas dos feirantes do mercado central. Após o governo municipal usar a imprensa para negar a cobrança dos impostos, o edil foi procurado por pequenos comerciantes que lhe passaram copias de documentos que comprovam a cobrança abusiva de taxas.

“O governo usou a mídia para dizer que não estava cobrando impostos de pessoas de Codó. É mentira, cobrou sim e aqui eu trago os documentos, esse documento é um documento oficial da prefeitura municipal de Codó, do governo do prefeito Francisco Nagib, que tentou enganar a população ao dizer que só cobrava pessoas de fora, obviamente que ele cobra pessoas de fora, mas também cobrou pessoas de Codó. O documento está assinado pelo fiscal da prefeitura e está assinado pela senhora que recebeu a cobrança (…)”, disse.

O vereador Rodrigo Figueiredo lamentou a insensibilidade do governo municipal em ter cobrado a taxa de uma pequena comerciante duas vezes em apenas sete dias.

“No dia 30 de janeiro de 2017 a prefeitura de Codó cobrou uma taxa no primeiro mês do governo de Francisco Nagib e essa senhora que é vendedora de confecção pagou a taxa. Essa cobrança é semanal, pois no dia 06 de fevereiro, uma semana depois, a prefeitura voltou a cobrar essa senhora e ela deve que pagar novamente. Essa senhora é uma lutadora, batalhadora e que tenta sustentar sua família através de muito trabalho, e a prefeitura de Codó com toda sua insensibilidade em vez de querer ajudar a crescer, quer é taxar as pessoas humildes de Codó”, lamentou.

Revoltado com a maneira como a prefeitura usou a mídia para distorcer as informações verídicas sobre a cobrança de imposto municipal, o parlamentar pediu que o governo municipal assuma seus atos e admita que cobrou as taxas dos feirantes do mercado central.

“O mínimo que a prefeitura tem que fazer é assumir seus atos, o que eu acho errado é eles fazerem de uma maneira e na mídia tentar passar outra coisa. Portanto a prefeitura de Codó MENTIU e faltou com a VERDADE ao nosso povo que os elegeu. Eu ainda não tinha visto em Codó um governo tão ruim, tão fraco, tão incompetente como este que está em Codó, finalizou.

Ascom – Vereador Rodrigo Figueiredo

Categoria: Notícias

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*