Blog da Ramyria Santiago - O mais polêmico da cidade

URGENTE: CODOENSE MORRE AO CAIR DE TORRE NA CIDADE DE TIMBIRAS

Um homem  identificado apenas por “Fábio” morreu após o desabamento de uma estrutura que estava sendo montada para erguer uma torre de transmissão de Internet em um morro da cidade de Timbiras.

De acordo com informações de testemunhas que escutaram gritos e um forte barulho, o desabamento aconteceu por volta das 13h30 deste sábado (22), no Morro que fica próximo ao Bairro Mutirão.

Com o desabamento de parte da armação, um homem que atuava na obra caiu da estrutura e morreu ainda no local, antes mesmo da chegada da equipe do SAMU do município. A vítima era da cidade vizinha de Codó do Maranhão, segundo informações.

Outros trabalhadores que estavam no local no momento da tragédia não quiseram falar sobre o assunto, mas vizinhos nos contaram que de repente a torre veio abaixo e o homem que estava em cima gritou para saírem debaixo. “Foi tudo muito rápido, e por pouco os outros trabalhadores não foram atingidos, no momento da queda ventava muito no local, que é um morro muito alto”, disse a testemunha.

Nossos leitores podem  ver a imagem da torre como ficou após a queda. Em  respeito a equipe do pessoal que montava a torre e de todos os familiares da vítima  e leitores, não publicaremos fotos do rapaz morto. OBRIGADO PELA COMPREENSÃO DOS NOSSOS LEITORES..

Fonte:  Silvio Ramon

NO PRESÍDIO DE CODÓ PRESOS TIRAM ATÉ SELFIES DENTRO DAS CELAS

As imagens mostram alguns presos do Centro de Ressocialização de Codó fotografando em selfies dentro do presídio. Não se sabe como os mesmos tiveram acesso a celulares dentro da carceragem. Ao que parece a coisa por lá está bem tranquila.

Pelo visto a coisa no presídio de Codó precisa de uma atenção especial por parte da fiscalização. Os agentes penitenciários precisam ficar mais atentos ou a direção do presídio precisa ver um meio para descobrir como os presos têm acesso aos aparelhos; que entram lá para registrar os momentos de diversão deles

HOMEM PRESO EM CODÓ APÓS FURTAR UMA BICICLETA NO BAIRRO TRIZIDELA

Por volta das 04:30hs, desta quinta-feira (20), a Polícia Militar de Codó ao fazer patrulhamento no Bairro Trizidela efetuou a prisão de um elemento por furtar  uma bicicleta monark que estava estacionada na porta de uma padaria na Rua Brasil,  Bairro São Raimundo.  O referido foi detido na Praça Almirante Tamandare enquanto tentava vender a bicicleta por 10 reais. O referido é conhecido por “Filho”, filho do Zé do queijo da Trizidela.  O acusado foi conduzido para a 4 DRPC de Codó para prestar esclarecimentos sem lesões corporais juntamente com a bicicleta. Só lembrando que “Filho” já tem inúmeras passagens pela delegacia de Codó

FACULDADE FALMA DE CODÓ TERÁ QUE REEMBOLSAR INTEGRALMENTE SEUS ALUNOS MATRICULADOS DEVIDO AS IRREGULARIDADES DA INSTITUIÇÃO.

PROCON/MA ingressa com ACP para reembolsar integralmente os alunos matriculados em faculdade privada de Codó.

Por meio de Ação Civil Pública (ACP), o Instituto de Promoção e Defesa do Cidadão e Consumidor do Estado do Maranhão (PROCON/MA) requer a suspensão das atividades referentes aos cursos de graduação, presenciais e a distância, oferecidos pela Faculdade do Leste Maranhense (Falma), no município de Codó, mantida pelo Centro de Formação Educacional do Leste Maranhense (Cefelma).

A ACP foi protocolada após a identificação de que a Falma atua sem credenciamento do Ministério da Educação (MEC) – e, ainda, pela realocação de estudantes para outras instituições sem que eles fossem previamente avisados e a ausência da expedição de diploma aos alunos concluintes dos cursos oferecidos.

O Instituto pede a interrupção imediata de matrícula nos mesmos, haja vista a falta de credenciamento da IES perante o Ministério da Educação.

Entre as medidas, o órgão pede à FALMA a paralisação imediata da divulgação de todo e qualquer anúncio publicitário, apresentação de planilha discriminando a relação completa de alunos, encaminhamento dos alunos matriculados nos cursos de graduação presencial e a distância para uma IES devidamente credenciada pelo MEC, sem qualquer ônus, bem como o ressarcimento integral, monetariamente atualizado, dos valores pagos pelos alunos matriculados nos cursos de graduação, presencial e a distância da instituição, incluindo matrícula, taxas e mensalidades.

Além disso, o PROCON pede a condenação de danos morais coletivos no valor de R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais). As irregularidades da Falma são graves e ferem o acesso do consumidor ao serviço legal de educação, pontua o presidente do PROCON/MA e do VIVA, Duarte Júnior.

“É indispensável que o serviço seja garantido da melhor forma possível ao consumidor maranhense. Iremos até o fim neste caso, como forma de garantir que os estudantes tenham o seu direito à educação respeitado”, disse o presidente.

Em caso de irregularidades ou problemas similares, o consumidor deve formalizar sua reclamação pelo aplicativo do PROCON/MA, pelo site (www.procon.ma.gov.br) ou nas unidades fixas distribuídas pelo Estado

MORRE EM CODÓ O VIGILANTE RUI PEREIRA APÓS SOFRER UMA PARADA CARDIO RESPIRATÓRIA.

Morre em codó por volta das 17:30 horas, o vigilante de nome RUI PEREIRA DA SILVA de 35 anos, que atualmente exercia a função de auxiliar penitenciário na unidade prisional de codó. Rui havia pedido transferência de uma das unidades em que trabalhava na cidade de São Luís, para a cidade de Codó a mais ou menos 5 meses.

Rui praticava atividades físicas em um campo de futebol no bairro São Francisco no Mutirão (enfrente ao clube do Asesp) e ao iniciar a partida de futebol o mesmo sofreu uma parada cardio respiratória, vindo a óbito ainda no loca, foi levado até o hospital geral (HGM), mas já estava sem vida. Seu corpo será velado na casa em que atualmente morava com sua irmã no conjunto mutirão

VEM AÍ A 1ª MARCHA NACIONAL PELA VIDA DOS POLICIAIS MILITARES EM CODÓ- DIA 24-07.

No próximo dia 24 (segunda), o 17º Batalhão de Polícia Militar em Codó será palco a partir das 16hs da concentração de uma manifestação que promete reunir os codoenses em apoio a Polícia Militar.

CABO MOREIRA

A Marcha Nacional pela Vida dos Policiais Militares tem o objetivo de conscientizar a população e autoridades do perigo que os PMs passam no dia a dia de seu trabalho em ações contra a criminalidade.

Todos os dias policiais saem de suas casas, despedem-se de suas famílias, com o único objetivo de proteger a comunidade, e às vezes não voltam vivos para casa, como aconteceu em ocorrência policial na cidade de Timbiras no ano de 2013, com o saudoso Cabo PM Moreira, 38 anos, onde foi atingido mortalmente com dois tiros, um no rosto e um no tórax disparados por um homem acusado de ser traficante, Cabo Moreira deixou esposa e dois filhos.

SARGENTO DENILSON

Outra ocorrência policial, que deixou a família policial e a sociedade codoense aflitas foi o caso do sargento Denilson, que em 28 de junho deste ano, quando patrulhava com sua equipe o Centro da cidade de Codó foi alvejado por um assaltante com disparos de armas de fogo, onde uma munição ultrapassou o para-brisa e o sargento Denilson foi atingido de raspão na cabeça.

A Marcha também tem como meta reeducar a população brasileira de forma a honrar a vida desses heróis.

A organização convida todos os policiais, familiares e simpatizantes da PM, que compareçam, para que juntos, possam se unir na causa. O evento terá concentração no Batalhão da Polícia Militar em Codó, a partir das 16hs.

PROFESSORA COMETE SUICÍDIO ÁS MARGENS DA BR 316 NO POVOADO BREJINHO EM CAXIAS.

Foi a segunda ocorrência naquela cidade na terça-feira. Um terceiro caso foi registrado em Teresina

Uma equipe PRF da Unidade Operacional de Caxias atendeu uma ocorrência rara na BR 316. No início da tarde de terça-feira (18),  policiais receberam informação de um aglomerado de pessoas às margens da rodovia por conta do suicídio de uma mulher, que parou o veículo, amarrou uma corda em uma árvore e deu cabo a própria vida. A pessoa foi identificada como Ana Elisabeth Felix, que seria professora de pós-graduação em libras em uma faculdade de Caxias, no leste do Maranhão. O local da ocorrência fica nas proximidades do povoado Brejinho. Ela chegou até o local em um Ford KA preto, quando desceu, amarrou uma corda em uma árvore e cometeu o suicídio.

Vários veículos de curiosos pararam ocupando parte da pista de rolamento tornando o lugar suscetível de algum tipo acidente. A PRF chegou ao local e fez o controle do trânsito. A Polícia Civil foi acionada para fazer a perícia e remover o corpo.

Mais dois suicídios na região

A atitude da professora na BR 316 não foi o único do gênero em Caxias, onde o filho de um médico e professor, um rapaz de 18 anos de idade também tirou a própria vida. E em Teresina um professor de artes marciais cometeu suicídio.

Fonte: PRF