Blog da Ramyria Santiago -

CODÓ: PACIENTES COM HANSENÍASE SOFREM POIS NÃO RECEBEM MAIS MEDICAÇÃO DA FARMÁCIA BÁSICA QUE FECHOU

“TALIDOMIDA” É o nome da medicação que eles recebiam enquanto tinha farmácia básica em Codó, há vários meses está faltando à medicação no Município. Vários pacientes entraram em contato com blog da Ramyria Santiago e pediram apenas para não serem identificados, mais dizem sofrer muito com a situação. Uma delas diz sofrer  de reações hansênicas  e não sabe mais o que fazer sem a medicação para tomar e mostra feridas em seu corpo.

Informações é que os pacientes tinha que ir pegar em São Luís-Ma  em uma van de estado lastimável, assim afirmou eles ao blog.
O blog perguntou aos pacientes, qual motivo do fechamento da farmácia básica?. A resposta deles foi que ouviram falar que foi a Vigilância Sanitária que fechou, logo depois  falavam que era porque não tinha transporte para ir, e logo mais tarde que o doutor afirmou a eles que esse não era o motivo, enfim, até hoje eles não sabem de nada. E  se não tem farmácia básica, não tem medicamento.

Uma paciente afirmou ainda que uma vez foi o próprio médico que foi buscar os medicamentos para eles, já que ele já iria pra São Luís mesmo então traria a medicação e trouxe com a maior dificuldade, Justamente porque  se alegava que não tinham transporte na prefeitura de Codó para isto.

Um dos pacientes disse a Ramyria, que os  medicamentos vem do hospital Genésio Rêgo Filho, mais agora lá não tem e nem previsão. Tem paciente que já tá com um mês e outros com mais um mês que não recebem a medicação. As medicações não podem ser vendidas, apenas entregue pelo estado. Os pacientes fizeram o convite ao blog da Ramyria Santiago para acompanhá-los um dia em suas idas e vindas a postos de saúde de Codó para confirmar então a veracidade da denúncia, amanha dia 06 /09 é um desses dias em que eles serão examinados pelo doutor e nos iremos acompanhá-los, justamente pelo fato de não ter a medicação.

Categoria: Notícias

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*