Blog da Ramyria Santiago -

ADOLESCENTE DE 15 ANOS É ESTUPRADA, AMEAÇADA POR SUPOSTO ESTUPRADOR E ABANDONADA PELO CONSELHO TUTELAR DE CODÓ QUE TERIA DITO “VOCÊ QUE QUIS”!!


Uma historia triste chegou esta tarde ao blog da Ramyria Santiago que aconteceu ontem dia 24/02 e veio por meio de uma vizinha de uma adolescente que foi estuprada. A família é muito pobre, não tem redes sociais, não tem celular, são muitas crianças pequenas na casa, o pai trabalha de roça e a filha mais velha da casa tem 15 anos e foi estuprada pelo vizinho que segundo os moradores ele já cometeu outros crimes na localidade, um deles seria roubos de motos na região.

O Estupro aconteceu no povoado Bacabalzinho, o suspeito é Daniel conhecido com Dani que também mora no povoado Bacabalzinho,  ele teria estuprado  a menina  de 15 anos de iniciais A.O.S. Uma vizinha disse que ninguém fez nada, pois tem medo dele e a família do acusado passa a mão na cabeça dele pois querem incumbir o caso. O pai da criança se encontra horrorizado sem poder fazer nada e também foi ameaçado. Já a avó do suposto estuprador e o pai dele estão pedindo pra ninguém dizer nada e a menina de 15 anos esta com medo e foi ameaçada por Dani. O suspeito Dani teria  arrastado a jovem para o mato um pouco distante e lá cometeu todos os tipos de ato contra a adolescente que  hoje tem medo de falar pelas ameaças que recebeu. A vizinha disse ao blog que o próprio  pai da menina conhecido por Branco foi quem encontrou a menina deitada na rede quase morta e banhada em sangue.

A menina foi levada ao hospital pelo SAMU e levou vários pontos nas partes intimas  segundo informou a vizinha ao blog.

O blog da Ramyria  Santiago esteve no hospital HGM e descobriu que a menina foi liberada nesta tarde do dia 25/02. Esse povoado fica na zona Rural de Codó de nome Bacabalzinho, próximo ao antigo posto azul, na BR-316, próximo ao Canto do Coxo, ou povoado Pau Cheiroso.
O que chocou o blog da Ramyria Santiago foi a vizinha da vítima ter declarado ao blog que o Conselho tutelar da cidade foi omisso. A menina foi no conselho entrou na sala sozinha, não foi amparada pelas conselheiras e ainda teria ouvido dentro da sala da boca de uma conselheira que  “FOI ELA QUEM QUIS, QUE ELA QUE ACEITOU TODO O ATO!”! O Blog ficou de boca aberta com essa afirmação da moça, como uma pessoa que foi para o hospital, sendo uma jovem de 15 anos, menor de idade e foi praticamente rasgada por um homem, não foi amparada pelas mulheres que estão a frete desse conselho. Nem um B.O na delegacia o conselho Tutelar ajudou a família a fazer. No Áudio abaixo a vizinha que não irei identificar o nome relata o que foi falado dentro do conselho tutelar de CODÓ: OUÇA:

O blog da Ramyria Santiago conversou com a   conselheira ITAMARA MUNIZ, e ela afirmou ao blog que o conselho não  trata ninguém mal e que eles jamais passa a mão na cabeça de estupradores, porque eles tem o dever de garantir os direito das Crianças e adolescentes e que este caso não passou por ela. O caso foi da conselheira Denise Serra que foi a pessoa que atendeu a adolescente, o blog procurou Denise mais a mesma não quis passar informações sobre o caso, ela alegou que não poderia passar nenhuma informação via WhatsApp.

O pai não consegui fazer o B.O, ele veio a cidade no dia do ato, mais quando chegou na delegacia não tinha energia elétrica e mandaram ele ir no dia seguinte e por falta de dinheiro para pagar passagem ele não teve condições de ir novamente.   Essa família precisava de um amparo dos órgãos publico e o conselho Tutelar tinha que ajudar esta adolescente e não colocar a culpa nela por ser estuprada.

O blog tentou contato com a assistente social do HOSPITAL HGM DE CODÓ mais não obteve sucesso, ainda estamos na procura de encontrar a assistente social que cuidou do caso e olhou todos os exames da adolescente que confirmam ou não o estupro, porque a conselheira Denise teria dito que “NEM ESTUPRADA ESSA MENINA FOI” …

Categoria: Notícias

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*