Blog da Ramyria Santiago -

Câmara de Codó aprova Indicação que solicita a suspensão do corte de fornecimento de água durante o período de pandemia

Vereador Evimar Barbosa

Por meio de videoconferência os parlamentares codoenses participaram da sessão da última terça-feira (23). A medida teve por objetivo evitar a aglomeração em plenário nos dias de reunião, seguindo as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e órgãos de Saúde do Brasil, quanto ao isolamento social, fator primordial para a não disseminação do novo Coronavírus.

Durante a sessão remota, muitas indicações importantes foram a provadas, como a Indicação de autoria do vereador Evimar Barbosa que solicita, em caráter de urgência, a suspensão temporária dos cortes de fornecimento de água durante o período da segunda onda da pandemia da Covid-19. De acordo com o edil, a água é fundamental para a higienização das famílias e na prevenção a contaminação ao vírus.

Esta nossa Indicação teve ótima repercussão e foi aprovada pelos colegas, que entenderam a importância da suspensão temporária no corte do fornecimento. No ano passado o SAAE adotou essa medida, mas para minha surpresa, este ano, durante o período de grande intensidade da pandemia, a autarquia continuou realizando corte no fornecimento. Agradeço a sensibilidade dos colegas em aprovarem nossa Indicação, que solicita o fim do corte do fornecimento em todo território de nosso município. Fica como um presente simbólico pelo Dia da Água, ocorrido na ultima segunda-feira, dia 22, para as pessoas que ainda encontram dificuldade neste período tão difícil”, justificou o parlamentar.

O vereador Evimar Barbosa ainda apresentou três indicações conjuntas com o bloco de oposição. A primeira pedia que O Ministério Público fosse acionado para investigar e ajudar os aprovados do mais recente concurso público de Codó. A segunda Indicação foi em ralação ao salário do Executivo, que não estariam respeitando a Lei Complementar Federal 173/2020, que proíbe qualquer aumento de proventos nas esferas municipal, estadual e federal. E a terceira Indicação solicitava ao Ministério Público sobre o acumulo de cargos no governo municipal. Todas as indicações foram derrubadas pela bancada da situação.

Categoria: Notícias

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*